“A crise cultural pode levar-nos à ditadura”, entrevista a Mario Vargas Llosa

À primeira vista, o último livro de Mario Vargas Llosa, A Civilização do Espectáculo, poderá parecer um desabafo amargo sobre estado das coisas – não fosse o Nobel da Literatura ainda acreditar no poder da literatura para mudar o mundo, como diz nesta entrevista.

A cultura pode dar resposta a estes desafios, a estas crises súbitas que nos angustiam e nos fazem duvidar da segurança do mundo em que vivemos”, escreve Mario Vargas Llosa em A Civilização do Espectáculo, livro-alerta (que a Quetzal acaba de publicar entre nós) sobre o estado preocupante da cultura actual que não pretende ser mais do que “um testemunho” de um escritor de 76 anos, reconhecido, admirado, Nobel da Literatura em 2010.

A ler aqui.