“Dance is a language, and as in love, the most beautiful things are said through the body. I continue to be obsessed by the art of writing dance as we write music, in time and space.”  Anne Teresa De Keersmaeker (aqui).

A Companhia Nacional de Bailado estreia hoje um programa de três coreografias da criadora belga Anne Teresa De Keersmaeker : “Prelúdio à Sesta de um Fauno”, inspirada na peça de Claude Debussy, “Grosse Fuge” (“Grande Fuga”), sobre a obra de Ludwig van Beethoven, inicialmente concebida como último andamento do Quarteto Op.130, e “Noite Transfigurada”, de Arnold Schoenberg.

O programa será interpretado pela CNB, em Lisboa, hoje e no sábado, às 21:00, no domingo e no dia 04 de novembro, às 16:00, e nos dias 02, 03, 09 e 10 de novembro, às 21:00. O dia para escolas está marcado para 08 de novembro, às 15:00.

Da obra de Anne Teresa de Keersmaeker destacamos sua primeira coreografia em 1982, Fase, uma peça em que a dança se torna análoga à música de Steve Reich (te-lo-à dito o próprio), explorando essa relação próxima de forma estrutural  entre a dança e a música, expondo, simultaneamente, uma tensão entre dois impulsos por vezes contraditórios: o formalismo e o expressionismo. Reposta recentemente na Tate Modern, podemos ficar com uma breve ideia da peça a partir deste video das Tate Shots.

Destacamos ainda outra, Rosas danst Rosas, primeira peça da sua companhia Rosas, fundada em 1983 e que constitui uma espécie de assinatura do trabalho que vem a ser desenvolvido pela companhia.  Deixamos aqui o video:

O ano passado Beyoncé inspira-se para Countdown nesta peça de 1983. Deixamos aqui o video de comparação: